Página Inicial / Cidade / Eleições suplementares em Sete Lagoas poderá ser em 02 de junho

Eleições suplementares em Sete Lagoas poderá ser em 02 de junho

Na sessão de julgamento desta segunda-feira (8), o TRE marcou para o dia 2 de junho as eleições suplementares para prefeito e vice no município de Juatuba, na região metropolitana. O calendário deverá servir para as eleições extemporâneas também para Sete Lagoas que vai escolher o seu prefeito e vice.

Sete Lagoas poderá eleger o seu novo prefeito e vice no dia 02 de junho.

 

As eleições foram marcadas após aprovação pela Corte da  Resolução contendo o calendário e as demais instruções que vão reger o pleito no município. A resolução será publicada no Diário de Justiça Eletrônico do TRE nos próximos dias e ficará disponível no portal do TRE, na aba eleições suplementares/eleições 2016.

As novas eleições ocorrerão em razão de a chapa eleita em 2016, sendo prefeita Valéria Aparecida dos Santos (PMDB) e vice-prefeito Alcides Osório da Silva (PDT), ter sido cassada pelo Tribunal Mineiro, por abuso de poder político e econômico na campanha de 2016. A prefeita, então candidata à reeleição, teria autorizado o aumento exagerado do número de exames e consultas fora do município de Juatuba, por meio do Consórcio Intermunicipal de Saúde, no período eleitoral, especialmente no mês de setembro de 2016.

Como o TRE/MG vem marcando as eleições suplementares de outros municípios na mesma data como aconteceu com os municípios de Santa Luzia, Itanhomi e Timóteo que realizaram as eleições suplementares no mesmo dia 24 de junho do ano passado poderá ser provável que os cidadãos de Sete Lagoas deverão ir às urnas na data marcada para a cidade de Juatuba, onde o prefeito foi afastado praticamente na mesma época de Sete Lagoas.

Prazos para a eleição em Juatuba.

De acordo com a resolução, de 24 a 28 de abril, os órgãos partidários poderão se reunir em convenções para deliberar sobre a escolha dos candidatos. Após a escolha em convenção, o candidato que será registrado, caso ocupe cargo gerador de inelegibilidade, deve afastar-se no prazo de 24 horas. No dia 2 de maio, às 19h, será encerrado o prazo para entrega dos pedidos de registros dos candidatos à Justiça Eleitoral. A partir do dia 3 de maio, os candidatos podem iniciar a propaganda eleitoral, regulamentada pela Resolução 23.457/2015, que cuidou das regras relativas à propaganda nas Eleições 2016, e pela Lei 9.504/1997.

Estão aptos para votar os eleitores inscritos no município até o dia 2 de janeiro de 2019. As eleições serão das 8h às 17h, com as mesmas Mesas Receptoras de votos constituídas para as eleições que aconteceram em outubro de 2016. A diplomação dos candidatos eleitos deve ocorrer até o dia  21 de junho.

partir de 2 de maio até a proclamação dos candidatos eleitos, o cartório eleitoral de Mateus Leme, responsável pelo município de Juatuba, funcionará das 12h às 19h nos dias úteis, e das 13h às 19h aos sábados, domingos e feriados.

Enquanto não há candidatos eleitos no novo pleito, o presidente da Câmara de Vereadores responderá pelo Executivo municipal.

Outras eleições suplementares 

Entre os meses de março de 2017 e junho de 2018, o TRE realizou 22 eleições suplementares em Minas Gerais.

 

http://www.tre-mg.jus.br/imprensa/noticias-tre-mg/2019/Abril/tre-marca-eleicoes-suplementares-em-juatuba

Sobre admin

Você pode Gostar de:

UnB, UFF e UFBA está na mira do MEC com cortes de repasses pelo motivo de desordem e tumulto

O Ministério da Educação (MEC) vai cortar recursos de universidades que não apresentarem desempenho acadêmico …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *