Página Inicial / Internacional / Embaixadora do Brasil na ONU promove bate boca com Jean Wyllys

Embaixadora do Brasil na ONU promove bate boca com Jean Wyllys

O jornalista Jamil Chade, correspondente há mais de duas décadas na Europa, é o autor do vídeo que mostra a embaixadora brasileira se retirando de uma reunião da ONU após atacar e se recusar a debater com Jean Wyllys

“Em 20 anos cobrindo a ONU, jamais vi o Brasil protagonizar uma cena tão triste como a que a embaixadora do governo Bolsonaro promoveu hoje. O Itamaraty, contaminado por um vírus extremamente perigoso: o da intolerância”, tuitou.

O comentário veio depois que ele divulgou um vídeo que mostra a diplomata brasileira, Maria Nazareth Farani Azevedo, batendo boca com Jean Wyllys em uma reunião da Organização das Nações Unidas (ONU) em Genebra (Suíça). Farani criticou o ex-deputado, se recusou a ouvir a resposta e, em um gesto pouco comum entre diplomatas, deixou a sala.

Jean Wyllys terminou sua intervenção sob aplausos dos presentes, já na ausência de Farani.

Repórter na Europa há mais de vinte anos, o jornalista Jamil Chade, no final da tarde, voltou a falar sobre o ocorrido. “Quando Monica Benício falou na ONU, a embaixadora do Brasil não esteve. Quando Indigenas falaram na ONU, tampouco. Quando vítimas de barragens foram à entidade, ela também não estava lá, nem quando falaram defensores de direitos humanos. Por que ela apareceu hoje?”

Sobre admin

Você pode Gostar de:

Fertilidade do casal será tema de palestra gratuita em Sete Lagoas

Especialistas da clínica Pró-Criar irão esclarecer dúvidas sobre infertilidade e seus possíveis tratamentos no Hotel San Diego Veredas, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *