segunda-feira ,11 dezembro 2017
Página Inicial / Caso de Polícia / Insanidade no norte de Minas: vigia incendeia creche em Janaúba e várias crianças morrem

Insanidade no norte de Minas: vigia incendeia creche em Janaúba e várias crianças morrem

Uma insanidade e uma barbárie feita por um vigia, colocou em choque a população de Janaúba, no norte de Minas Gerais, distante cerca de 135 km de Montes Claros. Ele incendiou uma escola, o Centro Municipal de Educação Infantil Gente Inocente, no bairro Rio Novo, deixando pelo menos cinco mortos e 25 feridos na manhã desta quinta-feira (5). Veja o vídeo logo após a tragédia:

A Polícia Militar (PM) confirmou cinco óbitos até o momento. As crianças da creche têm entre três e seis anos.

Segundo a PM, o vigia da instituição, com transtorno mental, teria jogado álcool nas crianças e, em seguida, ateado fogo nelas e em si mesmo. O homem ainda estaria vivo, em estado grave, internado em um hospital na cidade de Janaúba..O autor do crime foi identificado como Damião Soares do Santos, de 50 anos. Ele era solteiro e não tinha filhos.

Segundo um comunicado da Polícia Militar de Janaúba, ela foi acionada para atendimento a uma ocorrência na creche municipal de Janaúba, denominada “Gente Inocente”, localizada no bairro Rio Novo, onde o porteiro da creche surtou e teria jogado álcool em algumas crianças e nele mesmo, ateando fogo em seguida”, diz a nota.

 

Hospital de Pronto-Socorro João XXII está de prontidão para receber as vítimas mais graves

Segundo a assessoria de imprensa da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig), os feridos devem chegar ao hospital no meio da tarde desta quinta. Serão atendidos as seis vítimas trazidas pelo helicóptero da Polícia Militar.

O Hospital de Janaúba, que também faz atendimento ao feridos, pede doações de medicamentos e materiais hospitalares para atendimento às vítimas.

A Polícia Militar disponibilizou os seus helicópteros, levando para Belo Horizonte, no Hospital João XXIII, seis vítima em estado grave.

 

HOSPITAL REGIONAL DE JANAÚBA PEDE DOAÇÕES

O Hospital Regional de Janaúba está pedindo a doação de materiais hospitalares e medicação para ajudar no tratamento das crianças atingidas pelo incêndio criminosos na creche de Janaúba, no Norte de Minas, na manhã desta quinta-feira (5).

De acordo com funcionários do hospital, a unidade de saúde está recebendo também funcionários da área de saúde para ajudar no socorro. O hospital está recebendo a doação de agulha, seringas, dipirona, algodão, sonda, soro fisiológico e gaze hospitalar. As doações devem ser feitas na própria unidade.

As crianças feridas foram vítima de um atentado na creche municipal “Gente Inocente”, no bairro Rio Novo, em Janaúba, na região Norte de Minas, que deixou pelo menos quatro mortos e 15 feridos na manhã desta quinta-feira (5).

As causas do incêndio ainda são desconhecidas, segundo a corporação. No entanto, a Polícia Militar (PM) da cidade recebeu informações de que um vigia da creche teria ateado fogo nas crianças. O vigia não morreu e e está hospitalizado.

Ainda de acordo com a PM, um avião do governo do Estado vai deixar BH e seguir para Janaúba com o objetivo de buscar os feridos e levá-los até o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, na capital, que é referência em tratamento de queimaduras em Minas.

Segundo a Polícia Militar, todos os órgãos de segurança pública estão unidos nas ações de socorro às vítimas. “Hospitais em Montes Claros já acionados para colocar em prática, plano de contingência, visando atendimento rápido aos vitimadas que forem chegando”, informou.

De acordo com o tenente Pedro Aihara, da assessoria do Corpo de Bombeiros,  identidade das crianças ainda não foi confirmada. Ele também falou sobre o atendimento as vítimas.

“A gente está com um apoio aéreo lá, a gente deslocou uma aeronave pra lá para fazer uma transferência de uma ou mais vítimas graves. A gente já tem uma vítima grave com queimaduras de vias aéreas, ela provavelmente vai precisar ser transferida. Então o helicóptero está em voo para lá neste momento para poder prestar todo esse apoio. O vigia mesmo que foi responsável por esse atentado não faleceu, ele ainda está hospitalizado”, informou o tenente.

A Prefeitura de Janaúba decretou luto de três dias por conta do crime e está pedindo doações de medicamentos e outros produtos para os hospitais de Janaúba.

Em nota, a Polícia Civil informou que já fez a perícia no local e que está realizando os exames de necropsia nos corpos das crianças mortas. Um inquérito foi aberto para apurar o caso e equipes das investigações já estão na casa do suspeito para levantar informações e elucidar as causas do crime. O helicóptero da corporação também está à disposição do transporte de feridos.

Sobre admin

Você pode Gostar de:

“NÃO VAMOS PAGAR PEDÁGIO” – Moradores de Pedro Leopoldo e região se revoltam em audiência pública sobre concessão da MG-424

  Moradores de Pedro Leopoldo protestaram durante a audiência pública, contra o pagamento de pedágio …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *