Página Inicial / GERAESTV / MAIS UM CRIME? Barragem da Vale poderá se romper em Barão de Cocais

MAIS UM CRIME? Barragem da Vale poderá se romper em Barão de Cocais

A Mineradora Vale afirmou ao Ministério Publico que o talude norte da cava da Minas Gongo Soco, em Barão de Cocais, na Região Central de Minas Gerais, pode se romper a qualquer momento, entre hoje até o próximo sábado (25).  A Agência Nacional de Mineração (ANM) já da como certo o colapso do talude.

De acordo com a mineradora, o tremor gerado pelo rompimento do talude poderia colapsar a Barragem Superior Sul que está 1,5 km abaixo e em 3 de alerta (nível máximo).

A Defesa Civil Estadual, é possível mensurar o tamanho do rompimento, mas reiterou que o colapso pode gerar um abalo.  Em nota, a Vale disse que continua monitorando o talude norte 24 horas por dia.

Em fevereiro, 443 moradores da chamada zona de autosalvamento, a primeira a ser atingida por uma possível onda de rejeitos, já foram retirados de suas casas em fevereiro, quando o nível de segurança da barragem foi elevado para 2. Em março, o nível chegou para três.

Outras cerca de 6.000 pessoas estão dentro da zona secundária de salvamento (ZSS), a quase 16 quilômetros do complexo de Gongo Soco. Neste perímetro, a onda de rejeitos pode chegar em cerca de uma hora e 12 minutos. Um simulado de emergência foi feito neste sábado por causa de um possível rompimento da barragem.

Ministério Público de Minas Gerais expediu, na quinta-feira (16), uma recomendação à Vale para que a mineradora mantenha a população de Barão de Cocais informada sobre os riscos, danos e impactos de um possível rompimento.

Sobre admin

Você pode Gostar de:

Quem é Glenn Greenwald, o jornalista que revelou o escândalo da VazaJato

Um dos fundadores do The Intercept, Greenwald trabalhou no The Guardian e ganhou o Prêmio …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *