Página Inicial / GERAESTV / Servidores municipais de Corinto manifestam em frente à prefeitura, contra atraso de salários

Servidores municipais de Corinto manifestam em frente à prefeitura, contra atraso de salários

Funcionários públicos do município de Corinto-MG, fizeram uma grande manifestação em frente à Prefeitura Municipal e por várias ruas da cidade, com apoio do comércio e da população,nesta quarta-feira(20),  exigindo o pagamento de salários atrasados.

      

A passeata dos servidores municipais tomaram conta das ruas de Corinto, com o apoio de Movimentos, dos comerciantes e da população.

 

A passeata contou com grande número de servidores municipais, e com o apoio do Movimento “Somos todos Corinto”, além de vários comerciantes, que se uniram, onde, durante a passagem da manifestação, baixaram as portas do seu comércio em solidariedade aos servidores municipais, em sinal de luto e apoio à situação financeira precária dos servidores. Muitos comerciantes e moradores de Corinto aplaudiram e gritaram palavras de apoio à causa.

     

Os donos de comércio e estabelecimentos baixaram as portas em solidariedade à manifestação dos servidores municipais de Corinto que estão sem receber com salários atrasados.

 

De acordo com o movimento “Somos todos Corinto”, a passeata solidária e pacífica do funcionalismo municipal, foi contra o atraso de salários, alertado pelo movimento desde fevereiro, sobre a situação gravíssima que vem comprometendo à todos os servidores públicos municipais, ” o descaso e a falta de competência por parte de alguns secretários, incompetência esta que levou ao caos, sobre o excesso de contratos na folha de pagamento. É lamentável e vergonhoso esta situação”.

Ainda segundo o movimento o vereador Luizinho foi o único legislador municipal que compareceu ao apoio à manifestação, sendo que todos os 11 vereadores foram convidados pelo Movimento. e teve ainda a presença do Secretário de Administração, Rodrigo Mendes Chaves, que recebeu todos os funcionários que protestavam contra a falta de pagamento.

   

Segundo o Movimento “Somos todos Corinto”, “o problema que emperra a máquina pública municipal, é o inchaço dos cargos de confiança autorizados pela prefeitura, permitindo que secretários municipais o fizesse, contratando demasiadamente pessoas para ocupar estes postos, inclusive aqueles cargos de chefia que detém altos salários. O fato foi alertado, pela câmara e pelo povo, mas nada adiantou, onde persistiram neste grande erro. Agora que paga toda a incompetência são os servidores municipais, que na sua grande maioria são assalariados.

O Movimento alerta que se a situação permanecer, sem uma devida resposta e solução por parte da gestão do Prefeito Sócrates de Lima e Filho,O Dr. Sócrates como é conhecido, novas paralisações vão acontecer.

 

 

 

Sobre admin

Você pode Gostar de:

Espetáculo performático aborda cultura afro-brasileira na Temporada de Teatro

  Dentro da temática da diversidade, a 5ª Temporada de Teatro de Sete Lagoas aborda …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *