Ultimas Noticias
Página Inicial / Cidade / Vereadores aprovaram proposta para moralização da Verba Indenizatória

Vereadores aprovaram proposta para moralização da Verba Indenizatória

Foi aprovada na tarde da terça,11, por unanimidade a proposta da Mesa Diretora para moralizar a aplicação da Verba Indenizatória utilizada para o custeio dos vereadores de Sete Lagoas. Um bom número de pessoas compareceram à reunião ordinária para acompanhar a votação.
Segundo justificativa da Câmara Municipal, enviada por meio de comunicado oficial, a economia mensal poderá chegar a R$ 6.000 para cada parlamentar. Mas práticas comuns, como o aluguel de veículos de pessoas físicas e jurídicas e também a compra sem limites de combustíveis, serão reguladas por meio de processo licitatório.
A Mesa diretora da Câmara votou nesta terça, 11, pela moralização da Verba Indenizatória
O presidente Caramelo, ressalta ainda que “os 16 vereadores foram ouvidos e participaram da elaboração do texto. O ganho será da Câmara, por isso todos estão envolvidos”, reforça. Na justifica do projeto, a Mesa Diretora afirma que “esta é mais uma medida de transparência feita por esta administração no sentido de fortalecer o vínculo com a sociedade e prestar conta dos serviços realizados pelos vereadores desta Casa”.
ABAIXO NOTA DE ESCLARECIMENTO DA CÂMARA
Atendendo a solicitações dos meios de comunicação, a respeito do substitutivo n.º 02 ao Projeto de Resolução n.º 12/2017 que disciplina a aplicação de verba indenizatória em razão de atividade inerente ao exercício do mandato parlamentar no âmbito da Câmara Municipal de Sete Lagoas e revoga a Resolução n.º 1122/2015, a Câmara Municipal de Sete Lagoas, vem a público informar o que abaixo segue:
1- Uma das primeiras ações da atual Mesa Diretora, atendendo ao anseio de todos os vereadores desta Casa, e da população, foi a determinação de estudos para que fosse feita uma nova resolução para disciplinar a verba indenizatória.
2- Em 07 março do corrente ano foi protocolado o primeiro projeto que alterava a redação da Resolução 1122/2015. Após debates junto a Mesa, foi protocolado um substitutivo agora revogando a Resolução n.º 1122/2015 e disciplinando novamente toda a questão visando facilitar o entendimento sobre o tema.
3- Todos estes projetos são de autoria da Mesa Diretora e correspondem ao desejo de todos edis, sendo resultado de um amplo trabalho de todos os setores da Câmara, envolvidos, que agora assumirão a responsabilidade pelas compras/contratações de diversos bens/serviços, bem como manutenção e fiscalização destes.
4- A Câmara Municipal entende que estas práticas são necessárias e se tornaram possíveis graças ao processo de modernização e ganho de eficiência que vem sendo desenvolvido nesta Casa nos últimos anos.
5- Conforme dispõe o art. 23 do presente projeto de resolução a Câmara Municipal passará a licitar e fornecer todos os bens e serviços que forem rotineiros e não extraordinários. Assim, por exemplo, quando as licitações para fornecimento de combustível e locação de veículos, ficarem prontas, haverá uma redução, automática de R$ 5.300,00 (cinco mil e trezentos reais), no valor de despesas que podem ser indenizadas aos vereadores. Desta forma, ao final de todas as licitações haverá, uma redução da verba de R$ 6.000,00 (seis mil reais). Lembrando que ficará o teto de gastos de R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais). Sendo necessário informar ainda, que caso novos serviços e bens rotineiros e não extraordinários venham a ser disponibilizados pela Câmara Municipal novas reduções poderão ocorrer no valor da verba indenizatória.
6- A presente proposição, quando aprovada, trará inúmeros benefícios, tais como: redução do valor gasto para manutenção dos gabinetes, graças à economia de escala e execução das compras por equipe técnica especializada neste serviço, em virtude do serviço passar a ser realizado por servidores do corpo da Câmara, o que irá reduzir a margem de erros nos processos. Isso tudo sem provocar prejuízo aos trabalhos dos gabinetes.

Sobre admin

Você pode Gostar de:

Com apenas 32 leitos de UTI, justiça obriga a prefeitura de Sete Lagoas a instalar mais 35 leitos em 15 dias

  O município de Sete Lagoas recebeu do Governo Federal um aporte de R$ 20 …

7 Comentarios

  1. Hi my loved one! I want to say that this post is awesome, nice written and come with
    approximately all significant infos. I would like
    to peer extra posts like this .

  2. Greetings! I’ve been reading your blog for a long time now and finally got
    the bravery to go ahead and give you a shout out from Lubbock Texas!

    Just wanted to mention keep up the great work!
    Is it OK to post on Tumblr? Keep up the fantastic work!

  3. Awesome! Its truly amazing post, I have got much clear idea on the topic
    of from this post.

  4. Undeniably believe that which you stated. Your favorite justification appeared to be on the net the easiest thing to be aware of.
    I say to you, I certainly get irked while people consider worries that they plainly don’t know about.

    You managed to hit the nail upon the top and defined out the
    whole thing without having side-effects , people could take a signal.
    Will likely be back to get more. Thanks

  1. Para Trás: pinewswire

  2. Para Trás: Bitcoin Evolution Review

  3. Para Trás: w88

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + quinze =